Tecnologias do Pré-sal

Fitch mantém nossa classificação de risco

A agência de classificação de risco Fitch anunciou a manutenção do nível de risco (rating) da nossa dívida corporativa em BB, com perspectiva negativa (negative outlook).

Em seu relatório, a agência destacou que a liquidez da companhia é atualmente suportada por uma robusta posição de caixa, geração operacional estável e capacidade de acessar o mercado de capitais para refinanciar a dívida.

O progresso do Programa de Desinvestimentos, que em 2015 e 2016 totalizou US$ 13,6 bilhões, mereceu destaque, tendo a agência afirmado que a redução do endividamento da Petrobras dependerá do sucesso das vendas de ativos nos próximos dois anos. A implementação da política de preços de gasolina e diesel também foi ressaltada, demonstrando maior transparência e independência da atual administração.

Por fim, a Fitch considera que nosso nível de risco segue correlacionado com o risco soberano, devido ao controle acionário exercido pela União Federal e a importância estratégica da companhia para o mercado brasileiro, como sua principal fornecedora de combustíveis.


Contador de páginas